O que são padrões de cores RGB e CMYK?

Como funcionam os sistemas RGB e CMYK

Os dois sistemas de cores funcionam de forma totalmente oposta. Enquanto o RGB é formado pela adição de luz, o CMYK funciona pela subtração da luz.

Isso acontece porque as cores RGB são criadas pela emissão de pontos luminosos a partir de uma TV por exemplo, enquanto que as cores CMYK são formadas por pigmentos ( tintas ) adicionados no papel.

Na comparação abaixo, o lado direito corresponde ao modo CMYK. Sendo assim, Ciano (lado direito) é a cor inversa do Vermelho ( lado esquerdo ), o Magenta é a cor inversa do Verde e oAmarelo é a inversa do Azul.

RGB CMYK Comparação

Assim, no lado direito, Magenta + Amarelo = Vermelho, Magenta + Ciano = Azul, Ciano + Amarelo =Verde e a mistura de todas as cores resultará em Preto.

Você pode conferir a inversão das cores em qualquer programa gráfico, como Photoshop por exemplo, bastando para isso pintar uma área qualquer de Vermelho, por exemplo, e selecionar a opção “Inverter” para que o Vermelho se transforme em Ciano.

Quando temos uma imagem em RGB e desejamos convertê-la para CMYK, devemos saber que as cores básicas do RGB irão ficar bastante diferentes após a conversão. Por esse motivo, sempre que possível, trabalhe diretamente em CMYK. Na imagem abaixo, veja a diferença gerada pela conversão RGB -> CMYK:

RGB CMYK Conversão

Quando e como utilizar o modo RGB

RGB Header

Significando literalmente Vermelho (Red), Verde (Green) e Azul (Blue), o propósito do modo RGB é a exibição colorida em dispositivos eletrônicos como monitores de computador, televisão, datashow, câmeras digitas, ou fotografias tradicionais (reveladas), etc. Em outras palavras, a utilização do modo de cor RGB não se destina a DTP, mas a criação de mídia virtual como filmes, galerias digitais, e todo o tipo de imagem exibida em tela.

O RGB é um “Sistema Aditivo” onde as cores são formadas através da “emissão/adição de luz” gerando pontos luminosos projetados pelo dispositivo de exibição, como um monitor de computador por exemplo.

Estes pontos de luz possuem 3 canais ( Vermelho, Verde e Azul ) e podem possuir até 255 níveis diferentes de tonalidade, podendo atingir até 16,7 milhões de combinações.

Resumindo:
Quando menos luz, mais preto e quanto mais luz é emitida, mais branco.

Quando e como utilizar o modo CMYK

CMYK Header

Também conhecido como “Cromia” ou “Quadricromia”, significa literalmente Ciano (Cyan), Magenta (Magent), Amarelo (Yellow) e Chave – a cor Preta (Key). O modo CMYK é utilizado para trabalhos gráficos destinados a mídia impressa como revistas, livros, cartazes, etc;

O CMYK é um “Sistema Subtrativo” onde as cores são formadas através da “absorção/subtração de luz” pelo papel branco em combinação com a intensidade dos pigmentos coloridos adicionados no papel. É justamente o contrário do RGB que emite a luz, por isso a dificuldade de se reproduzir fielmente no papel todas as cores que existem na tela do monitor.

Estes pigmentos possuem 3 canais básicos ( Ciano, Magenta e Amarelo ) e 1 canal chave ( Preto ) para ajustar os contrastes. Podem possuir até 100 níveis diferentes, podendo produzir milhares de combinações.

Resumindo:
Quanto menos pigmentos, mais branco ( pois o papel pode refletir mais a luz ) e quanto mais pigmentos, mais preto.

 

Fonte: http://www.rpdesigner.com.br/artigos/desktop-publishing/rgb-ou-cmyk-eis-a-questao/